quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Abençoando a comida



Eu havia prometido continuar escrevendo sobre magia na cozinha aqui no blog, então lá vai: hoje vou escrever sobre abençoar nossa refeição.

Um modo de abençoar a comida, na minha opinião, é enquanto você a prepara. Mas muitas vezes não temos essa chance e comemos a comida da mãe, do restaurante... Para abençoar essa comida, você deve trabalhar nela antes de ingeri-la.

Veja que não estou dizendo que a comida feita por outra pessoa é ruim. Abençoar também é um modo de agradecer o alimento que a Natureza lhe proporcionou. Lembre-se que, ao ingerir alimentos de origem animal ou vegetal, você também está recebendo a energia deles, bem como das pessoas que os cultivaram. Daí a importância de consumir alimentos orgânicos ou que você mesma planta (ou cria, no caso dos animais). Atenção, vegetarianos: não venham me achincalhar aqui no meu blog (rs).

Quando abençoamos a comida, honramos o animal ou a planta pelo sacrifício feito em nossa causa e liberamos quaisquer energias negativas que possam estar embutidas no alimento.

Aliás, até quando você mesm@ estiver preparando a comida, é bom se centrar antes e deixar os problemas de lado. Algo prático é contar de um a dez e depois fazer algumas respirações profundas.

Para abençoar a comida, eu costumo fazer uma prece antes - se estiver em um restaurante, é claro que eu faço a prece em silêncio. Em casa, fazer uma prece ajuda a criar um ritual familiar.


Crédito da foto: http://www.mrsikhnet.com/hello/1328287/700/Gurumustuk_Blessing_his_food-2005.07.21-17.23.41.jpg

Um comentário:

Ariany (Dhanna) disse...

Dany, esse ato de abençoar é super importante aqui em casa, é um ritual diário, que vai desde o café da manhã até o jantar.

Unimos as mãos (como o pequeno sikh da foto, que, a propósito, me lembra meu filho Dhayaram, quando ele usa seu turbante, lindo demais e quase caí da cadeira quando vi a foto, pq é raro ver fotos sikhs em blogs brasileiros.rs) e dizemos:

"Wahe Guru, abençoado seja o nosso alimento". Cantamos a musiquinha da comida, pq os meninos festejam até e todos ficam felizes. Fazemos isso inclusive quando estamos num local público, não importa, o importante é abençoar.

Outra coisa que fazemos tb é abençoar quando vamos sair de carro e nem é preciso avisar para os meninos, eles lembram, ficam quietos e Dhayaram sempre diz no final: Abençoado seja o nosso passeio e dizemos um sonoro: Abençoado seja!

Todo mundo fica feliz...

E sobre o que vc disse, da pessoa não apenas plantar, mas criar o animal para comer, acho isso muito legal, pq a pessoa aprende a dar valor. Eu sou, na maior parte do tempo, vegetariana e não me ofendi (rs), mas vejo o quanto as pessoas consomem carne desenfreadamente, no café, almoço, lanche e jantar, principalmente nos embutidos e não se dão conta disso, pq já vem pronto.

Valeu pelo post!