sexta-feira, 22 de abril de 2011

Sabugueiro (por Scott Cunningham)

Foto: Danielle Sales (abril de 2011)



Nome científico: Sambucus canadensis


Gênero: feminino

Planeta: Vênus

Elemento: água

Divindades: Holda, Vênus

Poderes: exorcismo, proteção, cura, prosperidade, sono


Usos rituais

O sabugueiro era suado em rituais fúnebres em um local chamado Long Barrows (monumento pré-histórico da época do Neolítico) na antiga Inglaterra. O sabugueiro era sagrado para muitas figuras de Deusas Mães devido a suas flores brancas. Acreditava-se que bruxas e espíritos habitavam dentro de um sabugueiro; isto porque ele sangrava na seiva vermelha quando era cortado. Antes de derrubar um sabugueiro, a seguinte fórmula era recitada:

"Senhora Ellhorn, doe sua madeira,
E eu lhe darei a minha,
Quando uma árvore eu me tornar."


Esses versos eram recitados de joelhos diante da árvore antes de fazer o primeiro corte, permitindo assim que a bruxa ou o espírito que habitasse ali dentro tivesse tempo de deixar o interior desta.


Usos mágicos


Se for usado, o sabugueiro impede agressores de qualquer tipo. Pendurado na porta de entrada e nas janelas, ele mantém o mal longe de casa. Ele também tem o poder de forçar qualquer mago maligno de liberar quaisquer encantamentos ou feitiços que possa ter sido lançado contra uma pessoa. As vagens, quando carregadas magicamente, protegem do mal e da negatividade. Cultivado no jardim, o sabugueiro protege a cada contra devastações de feitiçaria e funciona como escudo contra raios.

Para abençoar um lugar, pessoa ou objeto, espalhe as folhas e as vagens de sabugueiro aos quatro ventos no nome da pessoa ou objeto a ser abençoado. Depois disso, espalhe um pouco mais de sabugueiro sobre a pessoa ou objeto e estará feito!

Para afastar a febre, sacuda galhos de sabugueiro no chão enquanto se mantém em completo silêncio. Dores de dente podem ser aliviadas ao se mascar um galhinho de sabugueiro e depois colocá-lo na parede, dizendo:

"Saia, espírito maligno!"

Acreditava-se, antigamente, que maus espíritos pudessem causar dores de dente.

Para prevenir o reumatismo, amarre um galho de sabugueiro em três ou quatro nós e carregue-o no bolso.

Verrugas também podem ser curadas esfregando-se nelas um galho de sabugueiro verde, que depois deverá ser enterrado para que apodreça na lama.

Cultivado perto de casea, o sabugueiro concede prosperidade para a casa, e os galhos colocados sobre a casa protegem contra cobras e ladrões.

O sabugueiro é utilizado em cerimônias de casamento para trazer boa sorte ao casal, e mulheres grávidas beijam a árvore para trazer bons augúrios à criança que vai nascer.

Coloque vagens de sabugueiro debaixo do travesseiro se tiver dificuldades para dormir. Elas permitirão um sono tranquilo e leve.

Carregue o sabugueiro com você para prevenir o desejo de cometer adultério.

Faça flautas com os galhos e invoque os espíritos com sua música. Melhor se for feito à meia-noite, em um local deserto longe dos assombros humanos.

Muitas pessoas acham que é perigoso queimar a madeira do sabugueiro, e alguns ciganos proibiam estritamente seu uso como lenha para fogueiras. No entanto, magos usaram sua madeira em varinhas e bastões por séculos.

8 comentários:

Iara Rodrigues da Cunha disse...

...é impressão minha ou essa árvorezinha é muito parecida com a "Árvore da Felicidade"?

Luciana Onofre disse...

E este lindo sabugueiro é teu amore? Amei o texto, eu nada sabia sobre esta planta linda!

Green Womyn disse...

Oi, Lu! O sabugueiro é meu, sim. Lindo, né? Adooooro!

Green Womyn disse...

Iara, não acho que parece, não. Obrigada pela visita, viu?

Elaine disse...

Oi Green Womyn, lindo seu sabugueiro,onde moro nunca vi, nem plantado e em ervas secas só uma vez. Gosto muito do Scott Cunningham tenho vários livros dele e o nome do meu blog é baseado no nome da Casa Magica,

Beijos da Verde Donzela que Dança

Elaine

Elaine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Orotava disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rivancats - O Gatil de Ragdoll disse...

Que lindo!! Obrigada pelos ensinamentos!