terça-feira, 26 de outubro de 2010

Tarot of Trees (Tarô das Árvores)

O Hierofante representado por um carvalho.


O verso das cartas...



Capa do livreto que acompanha o deck.




A face de algumas cartas.


Todas as cartas dipostas juntas.





Um dia, minha amiga Gabriela disse que tinha visto um tarô que era a minha cara. Fui correndo até o site indicado por ela e fiquei um pouco frustrada porque, apesar de já haver as cartas prontas nele, o deck ainda não estava disponível para venda.

Muito tempo depois, voltei ao site por curiosidade e o deck já estava pronto para ser despachado para quem se dispusesse a pagar alguns dólares. Quem conhece meu amor por árvores sabe que eu não hesitei em fazê-lo rapidamente.

Quando as cartas chegaram, eu tive duas impressões diferentes: primeiro, achei as cartas muito pequenas (elas medem 6 x 8,5 cm); em segundo lugar, eu as achei um tanto sombrias (principalmente com a temática outono e inverno), talvez pelas bordas negras de cada carta ou mesmo por conta dos tons arroxeados que dominam no deck.

Há algum tempo, Pietra comentou sobre o deck e eu disse que o tinha. Combinamos que eu tiraria algumas fotos, mas os compromissos da vida não me deixaram fazê-lo rapidamente. Hoje, após o trabalho, com o barulho da chuva vindo lá de fora e alguns trovões se fazendo ouvir, pude fotografá-lo.

Nas fotos, é possível visualizar o deck inteiro, o verso das cartas (belíssimo) e a carta O Hierofante, que é ilustrado por um belo carvalho. Também fotografei o livreto que acompanha o tarô, de uma delicadeza ímpar. O engraçado é que as cartas parecem mais bonitas e alegres no livreto!

Não posso terminar esse texto sem citar o nome da autora, Dana Driscoll. Ela criou o tarô porque passou a infância entre as árvores e, mais tarde, estudou druidismo. É claro que sua consciência ambiental também falou alto nessa empreitada.

São divinas as setenta e oito cartas, com um tipo de árvore representando cada arcano maior. Os arcanos menores também apresentam um padrão de cores apropriado a cada estação do ano/naipe (copas e primavera, paus e verão, espadas e outono, pentáculos e inverno). Também é marcante o uso de espirais em todas as cartas.

Para mais informações sobre o deck:

http://www.tarotoftrees.com/

http://www.aeclectic.net/tarot/cards/trees/



7 comentários:

Gabi disse...

Nossa, Dani, como é maravilhoso esse tarô!
Já tinha achado lindo aquela vez quando vi o site, mas agora com as suas fotos isso fica ainda mais claro!
Fiquei com vontade dele também!

Pietra disse...

Está aqui, entre nós e coloquei no Facebook tb...
Obrigada pela lembraça e pelo carinho.

Luciana Onofre disse...

Que belo!
De fato é algo bem especial, parabéns querida!

Bjs,

Green Womyn disse...

Bom, Gabão, vc sabe que as portas do meu humilde casebre na floresta estão abertas pra vc, sempre. Ou um dia a gente pode se encontrar no parque pra brincar com esse tarô. Ele é lindo mesmo, só achei as cartas muito pequenas...

Beijos!

Green Womyn disse...

Pi, pode divulgar à vontade, eu e o blog agradecemos!

Green Womyn disse...

Lindão, né, Lu?

Cau Renzi disse...

Olá!
A conexão com as cartas é criada e estimulada por meio de meditações, exercicios e leituras. Espero que já tenha se conectado, as cartas tem vida própria, cada deck tem uma personalidade e falam conosco.abraço